Barramento e compostagem podem melhorar condições de solo no Semiárido

Cuidar do solo, buscando torná-lo mais fértil, pode fazer a diferença para quem vive no Semiárido. Isso porque o solo que recobre a região apresenta algumas restrições – ele é pouco profundo e se deteriora com a erosão, por exemplo.

Para melhores condições de plantio na Caatinga é importante combater o desmatamento – prática danosa que favorece o processo erosivo e afeta a capacidade produtiva – assim como o manejo inadequado, o uso de agrotóxicos e a contaminação das águas.

Mas, nem só de evitar danos pode viver quem quer ter o solo como aliado no campo. São muitas as possibilidades para quem busca alternativas para melhorar a fertilidade do solo.

Um caminho é conhecer um pouco do que está sendo feito por agricultoras e agricultores familiares Semiárido afora. Entre as boas práticas adotadas, destacamos a seguir:

Barramento: geralmente construído a partir de pedras e plantas em áreas sem cobertura vegetal, o barramento contribui para evitar a erosão e permitir mais tempo de umidade no solo.

A publicação Multiplicando Saberes: Compartilhando práticas agroecológicas para a convivência com o Semiárido, disponível no Portal Semear, traz a experiência de agricultores que adotam essa prática.

Além disso, mostra também que o barramento pode ser feito a partir de colunas –  geralmente onde o curso d’água pode acelerar o processo de erosão –  construídas a partir do enfileiramento de pedras ou troncos de árvores.

A técnica ajuda a impedir que a água leve parte da terra e seus nutrientes. Plantar capim e outras espécies com raízes profundas também é bom para conter a terra e fortalecer o solo.

Compostagem: iniciativa de baixo custo que permite a transformação de restos orgânicos em adubo. Ela funciona como uma espécie de reciclagem de resíduos, recuperando nutrientes e levando-os de volta ao ciclo natural, enriquecendo o solo para a agricultura.

Mais saberes

Armazenar água: para isso, tecnologias de convivência com o Semiárido são mais do que bem-vindas. Em muitos casos, elas são fundamentais. Entre as opções estão a cisterna calçadão, o tanque de pedra e o sistema de reuso de água cinza – que reaproveita, a partir de um processo de filtragem, águas que seriam descartadas.

Imagem destacada: Bruna Hercog

Fonte: Portal Semear

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s