Estudantes lançam nota sobre as desocupações dos prédios em Arapiraca

Os estudantes que ocupam as escolas na cidade de Arapiraca, no agreste alagoano, lançaram uma nota nesta quarta-feira (14) dando conta sobre a desocupação dos prédios ocupados na cidade.

A cidade tinha seis ocupações e a desocupação foi decidida coletivamente em uma assembleia.

Confira a nota:

Hoje, 14 de dezembro de 2016, parte das escolas e universidade ocupadas em Arapiraca, participantes do Fórum das Ocupações decidiram encerrar o movimento após todas essas semanas de resistência. São elas: a Escola Estadual de Educação Básica Artur Ramos, Escola Estadual de Educação Básica Professora Izaura Antônia de Lisboa, Escola Estadual Manoel André, Escola Estadual Senador Rui Palmeira, Escola Estadual de Educação Básica Costa Rego e o campus Arapiraca da Universidade Estadual de Alagoas, sendo que essas duas últimas instituições desocuparão após o encerramento do Congresso Acadêmico Integrado de Inovação e Tecnologia (CAIITE), evento de extensão que está ocorrendo nas citadas ocupações com a colaboração dos ocupantes.

Mesmo que os estudantes não tenham conseguido barrar a aprovação da PEC 241 (55), não significou uma derrota, entendemos que as ocupações atingiram com sucesso outros grandes objetivos: levar à sociedade o debate sobre o referido projeto e sobre a MP 746 de Reforma do Ensino Médio e, principalmente, organizar os estudantes para as lutas que estão por vir.

Há décadas que os secundaristas não são protagonistas de uma luta com proporções nacionais como essa, ficando conhecida como “Primavera Secundarista”; esse movimento foi um exemplo de organização da juventude brasileira que não aceitará calada a retirada de seus direitos, somando forças aos estudantes universitários que também fizeram ocupações de reitorias e campus de universidades e trabalhadores.
As ocupações mudaram a vida de muitos estudantes, uma vez que durante todo esse tempo aprenderam coisas que vão além das disciplinas formais que são aplicadas na sala de aula, estudando sobre minorias sociais que preenchem as escolas e universidades e sequer são lembradas ou incluídas nos projetos pedagógicos, como questões de gênero, étnicas, culturais de matriz africana, etc. além de aulas de teatro, dança, poesia, yoga e muitas outras que promoveram um debate com uma didática que os estudantes não viam no dia-a-dia.

As ocupações não são para ocupar apenas um espaço físico, mas também as mentes dos estudantes com conhecimentos e idéias revolucionárias; os pais perceberam que seus filhos estão dispostos a fazer inúmeros sacrifícios como abrir mão de suas casas, famílias e amigos para ocupar a escola e lutar pelo o que eles acreditam; os professores e diretores perceberam que seus alunos estão dispostos a enfrentar qualquer coisa para garantir um futuro digno; e os próprios estudantes perceberam que uma vez que a chama revolucionária é acesa ela jamais se apagará, assim optando pela continuidade da luta, desocupando como uma forma de ir ao próximo estágio da nossa luta.

Os estudantes aprenderam que união é a base para dar início a qualquer mudança, a serem mais tolerantes, expandir sua consciência política e, por conseguinte, sua consciência social, mostrando à sociedade o potencial dos jovens brasileiros. Os estudantes estão se engajando politicamente e revertendo a visão geral do “analfabetismo político” que existe no Brasil apesar das ofensas e críticas recebidas pela mídia.

Quando sonhamos sozinhos, é apenas um sonho, mas quando sonhamos juntos é o começo de uma nova realidade… Estamos nos organizando e lutando por uma sociedade mais justa e igualitária; ocupamos para evitar um tenebroso futuro que está por vir; ocupamos para nós e outros termos a oportunidade de aprender e pensar de forma libertária; ocupamos porque não iremos nos silenciar diante dessa agenda de retrocessos elaborada pelo Estado; e continuaremos a nos mobilizar porque a luta não pode parar!

Fórum das Ocupações de Arapiraca

Arapiraca, 14 de dezembro 2016

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s