PM obriga fotógrafos a apagarem imagens durante repressão a protesto de estudantes

No final da noite desta quarta-feira (12), policiais militares detiveram 13 estudantes secundaristas que tentaram ocupar a Diretoria Regional de Ensino Oeste, na R. Dr. Paulo Vieira, no Sumaré, em São Paulo, em protesto contra a PEC 241 e a reforma do ensino médio. Outras seis pessoas também foram detidas e levadas contra sua vontade ao 91º DP (Vila Leopoldina) na condição de testemunhas. Entre os detidos, estavam os fotógrafos Daniel Arroyo, da Ponte Jornalismo, e o profissional freelancer Rogério de Santis. Ambos denunciam que os policiais os obrigaram a apagar as imagens registradas em suas câmeras.

Fonte: Ponte Jornalismo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s