Sem provas cabais, mas por convicção, Moro aceita denúncia contra Lula

O juiz federal decidiu aceitar a denúncia apresentada na semana passada pelos procuradores da Lava Jato. O documento foi alvo de críticas pela imprensa internacional, juristas e até mesmo opositores históricos de Lula. Já o “PowerPoint” para apresentar a denúncia que, de acordo com os próprios procuradores, não tinha “provas cabais”, foi motivo de piadas

O juiz federal Sérgio Moro aceitou nesta terça-feira (20) a denúncia apresentada pelo Ministério Público contra o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, sob a acusação de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá, em São Paulo.

Lula, assim, se torna réu pela segunda vez na operação e agora será julgado pelo próprio Moro, responsável pelos casos de quem não tem foro privilegiado. Caso seja condenado, ele ficará inelegível nas próximas eleições presidencias.

Na coletiva da semana passada, os procuradores da Lava Jato trataram Lula como como “o comandante máximo” do esquema de corrupção na Petrobras embora não tenham, segundo eles próprios, nenhuma “prova cabal” de que o ex-presidente teria sido beneficiado.

A denúncia foi muito criticada até mesmo por opositores históricos de Lula e do PT como o colunista Reinaldo Azevedo, da revista Veja, que afirmou que o documento “constrange os meios jurídicos” e que a acusação, apesar de tentar demonstrar que Lula chefiava uma organização criminosa, não apresentou provas, o que seria um “erro primário, fruto do açodamento e do estrelismo”.

power-point.png

A imprensa internacional também fez duras críticas aos procuradores. O jornal estadunidense The New York Times escreveu que as únicas acusações contra Lula, considerado pelo MPF como um “comandante” dos esquemas de corrupção, pairam sobre um apartamento no litoral de São Paulo que não chega perto dos patrimônios ou dos esquemas financeiros de outros políticos acusados de corrupção.

Já o francês Le Monde foi ainda mais duro e classificou as investidas contra Lula como “uma verdadeira inquisição”.

Imagem destacada: Reprodução Internet

Fonte: Revista Fórum

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s