Artistas ocupam praça e leva arte e cultura para a periferia

“Local de cultura e, popular, é na praça”. Suely Dantas, moradora do entorno da Praça Santa Teresa.

Railton Da Silva

Artistas militantes da cultura popular de Maceió levaram arte para a Praça Santa Teresa, no bairro da Ponta Grossa. O evento – que ocorreu no último sábado (27) – é a oitava edição do projeto de resistência da periferia Agosto da Cultura Popular.

“É muito lindo e dá uma saudade danada quando eu era mais jovem e via essa praça tomada de vida, de artistas que amavam a cultura popular, mas com o tempo o pessoal deixou de dá valor e foi morrendo, da uma tristeza danada”, desabafou a moradora da região Suely Dantas.

De acordo com a moradora, outro problema teria afastado a arte da praça: “a violência. Infelizmente, os artistas se apresentavam a polícia vinha e acabava a festa porque juntava os jovens da comunidade, fazia os meninos ficarem na parede, sem falar que ouve um homicídio durante um evento há uns dez anos e isso foi muito ruim para a nossa imagem de moradores da parte baixa da cidade”, destacou.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Mas isso mudou e a gente ter um evento desse na nossa porta é maravilhoso. Há quatro anos que coloco a cadeira aqui na minha porta e assisto de camarote, sem medo”, disse a moradora.

Confira o vídeo gravado pelo Grito na Luta com Alyne Sakura, uma das organizadoras do evento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s